26 de abril de 2010

O Normal tá na Carta na Escola!




       Acho de que uma das minhas contribuições, na formação de futuros(as) educadores(as), passa pela reflexão sobre o uso das TIC nos projetos pedagógicos.

      E acho, também, que uma das funções das práticas dos (as) alunos (as) do curso normal é trazer novos olhares para as escolas, propor soluções inovadoras… até porque as escolas públicas, em que os (as) alunos (as) realizam as práticas, possuem laboratórios de informática, em geral, pouco usados.

      Então, no segundo semestre de 2009, criei – O Normal tá na rede!
      ... Nas salas de aula, tecemos redes de aprendizagem - construímos saberes, dividimos angústias, aflições, nos encantamos com nossas produções e com as descobertas, sonhamos com uma escola pública de qualidade, lutamos para que isso se concretize... Que tal sermos inovadores, estendendo nossa rede na web? Aceitas o desafio de aprender colaborativamente? Vem! O Normal tá na rede!
      Usei a rede Ning, porque

  • qualquer email pode ser usado para acessá-la.
  • me pareceu de fácil manuseio: os recursos disponíveis - criação de perfil, inserção de vídeo e de foto, bate-papo, troca de mensagens... são familiares aos alunos que dominam o Orkut e o MSN.
  • achei legal a possibilidade de diálogo no fórum!
  • intui algumas vantagens, por exemplo, em relação aos blogs criados em outros espaços: os blogs pessoais estão reunidos no mesmo lugar, o que facilita a interação! Os posts ficam visíveis para que todos comentem.
  • e, é claro, possibilita a autoria e a autonomia – objetivos que sempre persigo!
      A Revista Carta na Escola nº 45, de abril de 2010, traz na capa – Tecnologias: redes sociais – Twitter, Facebook, Orkut, Ning… Já tem professor ensinando e aprendendo com as comunidades virtuais. É a chamada para uma reportagem especial sobre as redes sociais.

      No artigo “As redes abraçam a web”, nos provoca Lilian Starobinas: “Orkut, Facebook, Ning, Twitter… As redes socais ganham espaço entre seus alunos. Será que você pode ficar fora delas?”.

      Não, não posso (não podemos) ficar fora dessas redes nem das relações que elas nos possibilitam… 

      As palavras de Lílian:
 A escola, poderíamos dizer, não pode se dar ao luxo de dedicar seu tempo à navegação errática e à superficialidade.
      Na tentativa de superar esses limites,
outros olhares, é preciso reconhecer, têm sido lançados às redes sociais por educadores que vislumbram nesses espaços ricas oportunidades de troca entre os alunos. Tornam-se, portanto, ferramentas de aprendizagem.
      E a autora faz “Uma avaliação dos recursos pedagógicos possíveis e do uso que alguns professores já fazem das redes sociais na Internet”, mencionando vários projetos em que se usa ferramentas como Twitter, Orkut, Facebook, rede Peabirus e rede Ning.

      Entre as experiências no Ning está, para minha alegria e para a alegria d@s alun@s, O Normal tá na rede!
Já a comunidade “O Normal tá na rede!”, criada pela professora Suely Aymone, nos mostra uma oportunidade interessante de promover a formação dos professores num espaço e nas linguagens com as quais os alunos possuem cada vez mais familiaridade. De Uruguaiana (RS), Suely e seus alunos compartilham suas histórias com educadores de todo o Brasil e do mundo.
       Obrigada, Lilian, pela referência, nos faz ter a certeza de que um dos caminhos é esse: buscar alternativas para que, em nossas escolas, se construam cada vez mais conexões - virtuais ou presenciais!!!

      Se não pudermos mais usar o Ning, iremos trocar/construir ideias em outro lugar…

 -----------------------------------------------------------------------------------

      Para refletir sobre o destino das produções na rede: “Perdas e danos”, no blog Discurso Citado, da Lilian Starobinas.

      Para pensar nas ferramentas que escolhemos para publicar: “Três lições que os professores podem aprender com o Ning”, do Sérgio Lima.


8 comentários:

Alcir Martins disse...

100 comentários!
SHOW!
E parabéns!

Alcir Martins disse...

E não conheço o Ning, apesar de já ter "sobrevoado" o Normal tá na rede...
mas vivi situação parecida qdo o FOTOLOG (acho q era Gigafoto) da ASU saiu do ar...era uma ferramente bem simples, com menos recuros que o blogger limpo e simples; mas tínhamso lá conteúdo de cerca de 3 anos que foi para o espaço (ou sabe-se lá pra onde!)

* entendi a situação seguindo os teus links..dia 04/05 é o Dia D pro Ning...

Suely Aymone disse...

Oi, Dire!!

Que bom te encontrar aqui!!!

Pois é, a gente está para sair do ar...

Queria muito que o pessoal do Ning desse "asilo" para as redes como a nossa - pequenas, voltadas para a educação...

Estou no aguardo!!!

Abraços!

Ministério da saúde disse...

Caro blogueiro,

A vacina contra Influenza H1N1, vírus que já matou 1.632 brasileiros, está disponível nos postos de saúde pública de todo o Brasil para pessoas com maior risco de desenvolver a forma grave da doença. A vacina foi testada, é segura e já foi utilizada por mais de 300 países do Hemisfério Norte. Sábado, 24, começa mais uma etapa da campanha, voltada agora para a vacinação de idosos com doenças crônicas. No entanto, a população das outras etapas - jovens de 20 a 29 anos, grávidas, crianças maiores de 6 meses a menores de 2 anos e doentes crônicos com menos de 60 anos - ainda podem procurar os postos para se vacinar.


Por isso, é muito importante contar com a sua colaboração! Você pode ajudar por meio de materiais que disponibilizamos especialmente para blogs.

Para mais informações sobre como se tornar um parceiro, escreva para fernanda.scavacini@saude.gov.br

Atenciosamente,
Ministério da Saúde

Roseli Venancio Pedroso disse...

Oi Suely!
Tudo bem? Fazia tempo que não aparecia por aqui. Muita correria sabe. Mas hoje tive tempo e apareci. Seu blog continua muito bom menina. Vá em frente que tem muito ainda pra dizer.
Bjs

Marli disse...

Menina que lindo que ficou o novo visual! Mil perdões por estar meio off, mas estou com mil coisas pra dar conta. Parabéns pela citação da Lilian e pelo teu trabalho lindo. Estou indicando o link do teu blog e do Espichando para meus cursistas do Educarede. BJ!

Anônimo disse...

Nosaaaa.. Quanto tempo que não passo por aqui hein?! Mas lembro sim desse dia em que saiu essa reportagem adoreiii... Esse blog é mara.. Bjos e prometo passar mais vezes por aqui :D

Taty Pires disse...

Nosaaaa.. Quanto tempo que não passo por aqui hein?! Mas lembro sim desse dia em que saiu essa reportagem adoreiii... Esse blog é mara.. Bjos e prometo passar mais vezes por aqui :D